Documentário para assistir no Netflix

India’s Daugther (2015)

No dia 16 de dezembro de 2012, a estudante Jyoti Singh, de 23 anos foi estuprada por 6 homens em um ônibus quando voltava do cinema com um amigo, num caso que chocou o mundo. Ela havia terminado o curso de medicina e faltava apenas 6 meses de estágio para se formar. Os ferimentos foram tão graves que os médicos não acreditaram como ela pode ter sobrevivido o suficiente para denunciar o que lhe aconteceu. O documentário traz entrevistas com um dos acusados, além de diversos depoimentos,  entre eles de um dos acusados e de duas famílias, dos pais de Jyoti e de diversas autoridades e especialistas. Também mostra as protestos que se seguiram, clamando por justiça e por medidas de combate à  violência contra a mulher e à desigualdade de gêneros. É assustador ver a falta de arrependimento dos acusados, e pior, que para eles o que fizeram foi algo normal, e que a culpa, claro, é da mulher que saiu de casa à noite sem a companhia de um parente. É chocante, é triste, mas extremamente necessário, nesse mundo onde a violência contra a mulher é algo parece ficar pior a cada dia. Esse artigo faz uma análise bem bacana do documentário, fazendo uma relação com a realidade brasileira.

 

Deixe seu comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pular para a barra de ferramentas