Malembe por Felipe Doss

.
Este Novembro Negro tornou-se inifnitamente mais triste para nós, militância Negra e LGBT. Perdemos um Grande Irmão Militante.

Ao longo dos anos que construímos diversas ações ao seu lado. A sua força, garra e comprometimento juvenil, eram uma afirmação, segura, de que o movimento popular seguiria à frente, levado por uma geração que diz para o que veio e que poderíamos contar com ele, desbravador que nas ruas e na universidade fazia a diferença e nos convocava à seguirmos na luta.

A perda de Doss abre um vazio, que a lembrança de suas falas seguras nos levará sempre ao saudosismo, na recordação de um líder jovem, que prematuramente nos deixa em consequência da violência, fruto de uma desigualdade que Ele tanto combatia e buscava ressignificar, pelas manifestações conjuntas que fazíamos à pedido de reparação e igualdade.

Um Malembe pela perda do companheiro, irmão, parceiro de lutas e manifestações, Felipe Doss, que deixa, para sempre, uma lacuna nos espaços de resistência e enfrentamento, à toda sorte de violação de direitos e defesa da democracia.

Nossas almas verdadeiramente sangram e imploram por auxílio às divindades ancestrais.

O CEN lamenta profundamente sua perda, mas também reconhece, que para onde teu espírito retorna, as energias de força, coragem e resistência, nos manterão fortes para que possamos levar à frente a sua bandeira.

Felipe Doss – Presente.
Felipe Doss – PRESENTE.
FELIPE DOSS, SEMPRE PRESENTE.


CEN – Coletivo de Entidades Negras

Deixe seu comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pular para a barra de ferramentas